DIREITO

O profissional formado em Direito, adquire qualificação para atuar em diferentes áreas de atuação, tanto em órgãos públicos quando iniciativas privadas. Versátil e com valores aplicados a ética e conduta, os profissionais especializados nos setores de Compliance, tributos, trabalhista, recuperação judicial e de crédito, tecnologia da informação e imobiliário entre muitos outros.

SOBRE O CURSO

Uma das carreiras mais tradicionais, o Direito é uma ciência que aplica a ética as normas jurídicas vigentes em um País, com o intuito de organizar as relações entre indivíduos e grupos na sociedade.

O Centro Universitário UniBTA reúne experts do mercado para apresentar aos alunos, situações reais para que saiam preparados para esse mercado tão próspero e concorrido.
É possível escolher entre duas áreas principais: atuar como advogado ou seguir na carreira jurídica. A atuação como advogado é preciso ser submetido ao exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e para quem quer ser juiz, promotor ou delegado de polícia, é preciso prestar concurso público para o ingresso.

Cada vez mais a pluralidade das áreas permite ampliar os horizontes em diversas áreas de atuação, tanto em órgãos públicos quando iniciativas privadas, e profissionais especializados nos setores de Compliance, tributos, trabalhista, recuperação judicial e de crédito, tecnologia da informação e imobiliário. Propriedade intelectual e ambiental estão com maior procura no mercado de trabalho. Isso também vale para profissionais especializados em direito internacional. Já na carreira pública, o destaque é a área de defensoria.

MERCADO DE TRABALHO

Ao escolher o curso de Direito, o profissional pode atuar em diversas atividades como:
Toma decisões, julga e sentencia casos. Pode atuar em diversas frentes, como Trabalho, Família, da Criança e do Adolescente etc.
Promove ações penais, instaura inquéritos e ações públicas. Controla a atividade policial e deve, por exigência, ser um bom conhecedor dos Direitos Humanos.
É o profissional designado pelo Estado para ajudar quem não tem condições financeiras de contratar um advogado.
Conduz investigações policiais, planeja e comanda operações de caráter sigiloso e executa medidas de segurança.
Ao escolher o Direito Civil e o Direito Processual Civil, o profissional deverá lidar com a representação de interesses individuais e particulares relacionados a bens, propriedades e questões familiares.
Aqui, o profissional poderá atuar em ONGs e empresas privadas em questões referentes à responsabilidade com o meio ambiente. Portanto, licenciamento ambiental, infrações e outros aspectos da legislação ambiental farão parte de seu dia a dia.

É a área do Direito relacionada aos aspectos jurídicos do comércio. Ou seja: o profissional vai defender os interesses de empresários e seus negócios. Desse modo, entram na área abertura e fechamento de empresas, questões envolvendo marcas e patentes, processos de falência e recuperação judicial etc. Além disso, elaboração de contratos e estatutos também entram aqui.

O Direito Digital é um dos novos ramos do Direito. E após o Marco Civil da Internet, essa área se tornou um mercado crescente. Por isso, o advogado especialista em Direito Digital é um profissional bastante valorizado. Neste ramo de atuação, ele será responsável por questões jurídicas relacionadas à internet e à informática. Prepare-se para lidar com relações entre usuários e seus provedores, além de todo tipo de e-commerce e bancos.
Com certeza, outra área muito movimentada no Direito brasileiro! Aqui, o advogado vai defender os interesses dos consumidores em relação a fornecedores de bens e prestadores de serviços. Para isso, ele deve conhecer à risca o Código de Defesa do Consumidor.
Trata-se de uma especialização do Direito Civil. Nesta área do Direito, o profissional vai atuar na representação e no auxílio de pessoas físicas e jurídicas na elaboração e assinatura de contratos.
Sem dúvida, é aqui que trabalham os advogados mais famosos da TV e do cinema. O advogado criminalista, profissional do Direito Penal atuará na preparação de acusação e defesa em ações relativas a crimes e contravenções, tanto de pessoas físicas quanto jurídicas. Muito se modificou no Direito Penal ao longo da História do Direito.
Certamente, outro setor extremamente movimentado no nosso país. O advogado representará pessoas ou empresas em ações e disputas que envolvam empregado e empregador, além de questões sindicais e relacionadas à Previdência Social.
O profissional tributarista ficará responsável pelos princípios e normas referentes à arrecadação, às obrigações tributárias e às atribuições de órgãos fiscalizadores, bem como realizar a defesa do contribuinte no recolhimento de impostos. Para aqueles que optam pela carreira no setor privado, é importante estar atualizado de acordo com o mercado de trabalho. Atualmente, cada vez mais profissionais buscam especializações para conseguir se destacar nesse setor tão concorrido.
O Direito Imobiliário abrange os mais diversos tipos de operações. E, inclusive, faz intercâmbio com outras áreas do Direito, como por exemplo o Direito de Família e Tributário. É, portanto, um ramo do direito privado responsável por regular as relações jurídicas decorrentes da propriedade de bens imóveis.
O Direito Eleitoral é, como o próprio nome revela, a área do Direito que regula as relações jurídicas decorrentes dos processos eleitorais. E se baseia, então, sobremaneira, nas normas constitucionais sobre as competências e funções de cada ente federativo, além de outras normas reguladoras dos processos eleitorais. Embora fique em maior destaque nos anos eleitorais, é uma importante área de atuação na advocacia.
O Direito Administrativo é um ramo do Direito Público bastante clássico. Portanto, não é estranho ver profissionais atuantes nessa área do Direito. É, assim, o nicho de atuação da advocacia que trabalha com a regulamentação e as relações jurídicas decorrentes do exercício da Administração Pública. E possui, dessa forma, conexão com o Direito Constitucional. Dentro da área, um dos temas que ganham destaque é o Compliance.
Direito médico é a área do Direito que regula juridicamente os direitos e deveres decorrentes da relação entre médicos e pacientes, como as indicações de atuação em procedimentos de emergência e urgência, com destaque para as resoluções do Conselho Federal de Medicina. E tem, assim, ganhado destaque entre as áreas do Direito, sobretudo quando se trata de danos morais ou de falhas em atendimento que geram consequências graves.
O Direito Previdenciário é uma das áreas do Direito em ascensão e que pode crescer ainda mais nos próximos meses. Afinal, a Reforma da Previdência, está em votação e deve ser colocada em prática em breve. Isto deve gerar, então, diversas modificações noa cesso aos benefícios previdenciários, motivo pelo qual os advogados previdenciários devem ser demandados.

Quer saber mais sobre nossa instituição?

Fale Conosco

Candidato:
(11) 96845-4016 (Whatsapp)
Seg/Sex: 8h às 21h
Sáb: 9h às 13h

Aluno:
(11) 4501-9700
Seg/Sex: 8h às 21h
Sáb: 9h às 13h

Agora é com você! Dê o próximo passo em direção à sua futura carreira.

Conheça as Modalidades e Formas de Acesso disponíveis.
Assim como, a Matriz do Curso e os Valores.